sexta-feira, 16 de novembro de 2007

ALCCOL


Postos têm de parar com venda de bebidas alcoólicas

O número de mortos e feridos no trânsito brasileiro aumenta todos os anos e a sociedade assiste, impotente, a esta dura realidade. Nesse cenário nefasto, é impossível desconectar a ingestão de bebidas alcoólicas a motoristas imprudentes, além, é claro, de fatores como alta velocidade e distrações.Assim, acredito que a aprovação na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado, da lei que proíbe a comercialização de bebidas alcoólicas destiladas em postos de combustível é um significativo avanço na busca constante pela diminuição dos acidentes causados por esta perigosa mistura. A questão é polêmica e causa discussões sempre que vem a tona. Os donos de postos de combustíveis afirmam que a proibição vai diminuir consideravelmente o movimento nas lojas de conveniência e acarretar demissão de funcionários.Ora, comparar isto ao grande número de vidas que podem ser salvas ou ainda diminuição do número de feridos e mutilados em acidentes de trânsito é um ato mesquinho e até leviano. O fato é que, contra os fatos, não há argumentos. Existem centenas, milhares de casos com o mesmo roteiro: festas ou finais de semana regados a álcool, o motorista embriagado na direção atropela alguns, mata outros, morre no acidente e ainda deixa para toda a população e, principalmente, para as famílias das vítimas o saldo de uma tragédia que certamente se repetirá em um próximo final de semana, com novos personagens.O mundo inteiro sabe do problema causado pela explosiva combinação entre o álcool e o ato de dirigir. Desta maneira, como médico especialista em medicina de tráfego e presidente da Abramet, que há quase três décadas desenvolve inúmeros estudos que auxiliam a combater a mortalidade no trânsito, quero deixar registrado todo o meu apoio a esta importante iniciativa. Para nós da Abramet, qualquer ação que impeça a bebida de chegar aos motoristas, ainda que neste momento seja apenas para bebidas destiladas, já é um benefício enorme em nome da segurança viária e da vida.
Fábio Racy
Presidente da Abramet (Associação Brasileira de Medicina de Tráfego)
Fonte: site bispado

segunda-feira, 12 de novembro de 2007

BEATIFICAÇÃO

Vaticano beatifica o 1º índio da América do Sul

Ceferino Namuncurá se transformou ontem (10/11) no primeiro indígena a ser beatificado na Argentina e na América do Sul, em uma cerimônia presidida pelo secretário do Vaticano Tarcisio Bertone.
O índio fez o milagre que decidiu sua beatificação com Valeria Herrera, 31 anos. Ela soube que tinha câncer de útero no ano 2000 e rezou a Ceferino para que pedisse a Deus por sua saúde. Dois dias depois, os médicos constataram que o tumor havia desaparecido.
Fonte: Bispado

sexta-feira, 12 de outubro de 2007

FRASE DO DIA



'A família é a primeira e a melhor escola da solidariedade'

quarta-feira, 10 de outubro de 2007

OUTRO CRISTO



ETA MULHER!!! UMA VIDA DEDICADA AO BEM DO PRÓXIMO E SEMPRE FELIZ!!!

'Quem se lança à aventura obstinada do amor incondicional ao próximo encontra Deus e quem O encontra é capaz de amar ao próximo como a si mesmo' (K. Rahner)

terça-feira, 25 de setembro de 2007

terça-feira, 11 de setembro de 2007

NOSSA SENHORA


QUE NOSSA SENHORA POSSA SEMPRE ESTAR ASCENDENDO A CHAMA DO AMOR EM SEU CORAÇÃO, POIS FOI ELA QUEM TROUXE A LUZ AO MUNDO

sábado, 1 de setembro de 2007

DEUS

'SOMOS INFINITAMENTE MAIS AMADOS POR DEUS DO QUE O JULGAMOS'

quinta-feira, 30 de agosto de 2007

quarta-feira, 29 de agosto de 2007

JESUS

'A melhor maneira de "servir" é ser bom, maneira humilde, à altura de todos'.
Jesus Bom Pastor, me ajude a servir sempre.

segunda-feira, 27 de agosto de 2007

PORTA



"ABRIR a sua porta é fácil. Muito mais difícil é abrir o coração às tristezas, sofrimentos e aflições dos que nos batem à porta"

VIDA

"Se pudesse recomeçar a vida, eu procuraria fazer meus sonhos ainda mais grandiosos, porque a vida é infinitamente mais bela e maior do que eu pensava, mesmo em sonho." (G. Bernanos)

domingo, 26 de agosto de 2007

PRA VOCÊ

MENSAGEM


'DEUS É AMOR;
ESSAS TRÊS PALAVRAS SÃO A FONTE
INESGOTAVELMENTE BORBULHANTE DE VIDA ETERNA,
DE FORÇA E DE ALEGRIA'. (Jacques Loew)

sábado, 18 de agosto de 2007

CARTA RESPOSTA




CARTA DO PADRE ZEZINHO EM RESPOSTA A UM EVANGELICO
Carta
"Maria não pode nada. Menos ainda as imagens dela que vocês adoram. Sua Igreja continua idólatra. Já fui católico e hoje sou feliz porque só creio em Jesus. Você, com suas canções é o maior propagador da idolatria mariana. Converta-se enquanto é tempo, senão você vai para o inferno com suas canções idólatras..." Paulo Souza, São Paulo - SP (carta enviada ao Padre Zezinho, por um "cristão evangélico")

RESPOSTA ENVIADA PELO PADRE ZEZINHO

Paulo.
Paz no Cristo que você acha que achou! Sua carta chega a ser cruel. Em quatro páginas você consegue mostrar o que um verdadeiro evangélico não deve ser. Seus irmãos mais instruídos na fé sentiriam vergonha de ler o que você disse em sua carta contra nós católicos e contra Maria. O irônico de tudo isso é que enquanto você vai para lá agredindo a Mãe de Jesus e diminuindo o papel dela no cristianismo, um número enorme de evangélicos fala dela, hoje, com o maior carinho e começa a compreender a devoção dos católicos por ela. Você pegou o bonde atrasado e na hora errada e deve ter ouvido pastores errados, porque, entre os evangélicos, tanto como entre nós católicos, Maria é vista como a primeira cristã e a figura mais expressiva da evangelização depois de Jesus. Eles sabem da presença firme e fiel de Maria ao lado do Filho Divino. Evangélico hoje, meu caro, é alguém que pautou sua vida pelos evangelhos e por isso respeita os outros e não nega Maria. Pode haver diferenças, mas para ser um bom evangélico não é preciso agredir nem os católicos nem a Mãe de Jesus. Você é muito mais antimariano do que cristão ou evangélico. Seu negócio é agredir Maria e os católicos. Nem os bons evangélicos querem gente como você no meio deles. Quanto ao que você afirma, que nós adoramos Maria, sinto pena de você. Enquanto católico, segundo você mesmo afirma, já não sabia quase nada de Bíblia por culpa da nossa Igreja, agora que virou evangélico parece que sabe menos ainda de Bíblia, de Jesus, de Deus e do Reino dos Céus. Está confundindo culto de veneração com culto de adoração, está caluniando quem tem imagens de Maria em casa ao acusá-los de idólatras. Ora, Paulo, há milhões de católicos que usam das imagens e sinais do catolicismo de maneira serena e inteligente. Se você usava errado teria que aprender. Ao invés disso foi para outra Igreja aprender a decidir quem vai para o céu e quem vai para o inferno. Tornou-se juiz da fé dos outros. Deu um salto gigantesco em seis meses, de católico tornou-se evangélico, pregador de sua Igreja e já se coloca como a quarta pessoa da Santíssima Trindade, porque está decidindo quem vai para o céu e quem vai para o inferno. Mais uns dois anos e talvez, de lá do alto de sua sabedoria eterna, talvez dê um golpe de Estado no céu e se torne a primeira pessoa. Então talvez, mande Deus vir avisar quem você vai pôr no céu ou no inferno. Sua carta é pretensiosa. Sugiro que estude mais evangelismo e, em poucos anos, estará escrevendo cartas bem mais fraternas e bem mais serenas do que esta. Desejo de todo coração que você encontre bons pastores evangélicos. Há muitíssimos homens de Deus nas Igrejas evangélicas que ensinarão a você como ser um bom cristão e como respeitar a religião dos outros. Isso você parece que perdeu quando deixou de ser católico. Era um direito que você tinha: procurar sua paz. Mas parece que não a encontrou ainda, a julgar pela agressividade de suas palavras. Quanto a Maria, nenhum problema: é excelente caminho para Jesus. Até porque, quem está perto de Maria, nunca está longe de Jesus. Ela nunca se afastou. Tire isso por você mesmo. Se você se deu ao trabalho de me escrever uma carta para me levar a Jesus, e se acha capaz disso, imagine então o poder da Mãe de Deus! De Jesus ela entende mais do que você. Ou, inebriado com a nova fé, você se acha mais capaz do que ela? Se você pode sair por aí escrevendo cartas para aproximar as pessoas de Jesus, Maria pode milhões de vezes mais com sua prece de mãe. Ela já está no céu e você ainda está por aqui apontando o dedo contra os outros e decidindo quem vai ou quem não vai para lá. Grato por sua carta. Mostrou-me porque devo lutar pela compreensão entre as Igrejas. É por causa de gente como você.
Pe. Zezinho, scj

(fonte: internet)

sexta-feira, 10 de agosto de 2007

15 DE AGOSTO
DIA DE NOSSA SENHORA DA ABADIA